Estandarte da PAEL    A Maçonaria      Fale Conosco     Home

Ordem do Mérito Legislativo

Poderosa Assembléia Estadual Legislativa do GOEMG-GOB
Grande Oriente do Estado de Minas Gerais-GOB


Agraciados Ano 2.004

           Sendo apresentado pelo Conselheiro Márcio Corrêa Fernandes, os nomes a seguir, cujo Conselho da Ordem Legislativa da Poderosa Assembléia Estadual Legislativa do GOEMG-GOB deliberou em aprovação:

Grande Mérito Legislativo

l Ir
\Laelso Rodrigues: Grão Mestre Geral do GOB;

l Ir
\Marcos José da Silva: Grão Mestre Geral Adjunto do GOB;

l Ir
\Manir Haddad: Presidente da Assembléia Federal Legislativa do GOB;

l Ir
\João Lemos Salgado:. Grão Mestre Estadual GOEMG/GOB;

l Ir
\Amintas de Araújo Xavier: Grão Mestre Estadual Adjunto do GOEMG/GOB;

l Ir
\Tomáz Luiz Naves: Grão Mestre da Grande Loja Maçônica de Minas Gerais;

l Ir
\ Milton Ferreira Lopes: Grão Mestre do COMG: Grande Oriente de Minas Gerais;

l Sr
\José Alencar Gomes da Silva: Vice-presidente da Republica Federativa do Brasil;

l Sr
\Aécio Neves da Cunha: Governador do Estado de Minas Gerais;

l Sr
\Mauri Torres: Presidente da Assembléia Est\ Legislativa do Estado de Minas Gerais.


Mérito Legislativo Especial:

l Sr
\Fernando Damata Pimentel: Prefeito Municipal de Belo Horizonte-MG;

l Sr
\José Eduardo Dutra: Senador licenciado e Presidente da Petrobras.

           Dado e traçado no gabinete do Eminente Presidente da Poderosa Assembléia Estadual Legislativa do GOEMG-GOB, aos 17 dias do mês de fevereiro do ano de 2.004 da E
\ V\ .


Ir
\ Eduardo Teixeira de Rezende
Presidente da PAEL-GOEMG-GOB
E-mail correto: acaomaconica@pael.com.br


Confira abaixo os critérios para agraciação:


PROJETO DE RESOLUÇÃO N° 0051 1.999-2.001, de 26/08/2.000

Altera o art; 7° do Projeto de Resolução N° 003/98 que cria o Ordem do Mérito Legislativo do Grande Oriente do Estado de Minas Gerais - GOEMG -e dá outras providências.

Faço saber que a Poderosa Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais aprovou e eu promulgo a seguinte Resolução:

Art. 1º- O art. 7° da Resolução N° 003/98, passa a vigorar com a seguinte redação:

"Art. 7°- A admissão e a promoção na ordem obedecerá os critérios previstos no Regimento interno com aprovação final pelo Plenário da PAEL e as comendas deverão ser propostas nos graus previstos no artigo 2° e obedecem ao seguinte critério:



  I- Grande Mérito:

a- destinado a integrantes da Maçonaria: Grão-Mestre Geral, Presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Presidente da Assembléia Federal Legislativa, detentores da Condecoração "Comendador da Ordem do Mérito Dom Pedro I", Grão-Mestre Geral Adjunto, Grãos-Mestres Estaduais e do Distrito Federal, Grandes Secretários Gerais, Chefe de Gabinete do Grão-Mestre Geral, Presidente do Tribunal Federal de Contas, Presidente do Superior Tribunal Eleitoral, Ministros do Supremo Tribunal de Justiça; Grande Procurador Geral, Portadores da Cruz da Perfeição Maçônica. Dignidades Federais Honorárias, Garantes de Amizade, Presidentes das Assembléias Legislativas Estaduais e do Distrito Federal, Primeiro Vigilante do Conselho Federal;

b- destinado, no mundo profano, a: soberanos, Chefes de Estado, Chefes de Governo e seus sucessores imediatos; Governadores; Vice-Governadores; Presidentes de Assembléias Legislativas; Presidente do Supremo Tribunal Federal, Presidentes dos Tribunais de Justiça, Presidente da Câmara dos Deputados, Presidente do Senado Federal, Ministros de Estado e outras personalidades hierarquicamente equivalentes;




 
ll- Mérito Especial:

a- destinado a integrantes da Maçonaria: Deputados Federais, Grãos- Mestres Estaduais Adjuntos e do Distrito Federal, Grandes Secretários Estaduais e do Distrito Federal, membros do Conselho Federal, Delegados do Grão-Mestre Geral, Presidente do Tribunal de Justiça do Poder Central, Ministros do Superior Tribunal Eleitoral, ministros do Tribunal FederaI de Contas, Procuradores Estaduais e do Distrito Federal, Portadores da Condecoração da Estrela de Distinção Maçônica;

b- destinado no mundo profano, a: Deputados Estaduais; Secretários de Estado; Senadores; Deputados Federais; Ministros plenipotenciários, Reitores de Universidade; cientistas e outras personalidades hierarquicamente equivalentes;

III- Mérito:
a- destinado a integrantes da Maçonaria: membros dos Conselhos Estaduais e do Distrito Federal, Delegados do Grão-Mestre Estadual, Subprocuradores Estaduais,
Deputados Estaduais, Presidente do Tribunal Eleitoral do Estado, Juizes do Tribunal de Justiça do Poder Central, Presidente do Conselho de Contas do Estado, Presidente do Tribunal de Justiça do Estado, Grandes Beneméritos da Ordem, Veneráveis Mestres, Mestres Instalados, Conselheiros dos Conselhos de Contas do Estado, Juizes dos Tribunais do Estado;

b- destinado, no mundo profano, a: Cônsules, Magistrados, membros do Ministério Publico, militares, professores, escritores, funcionários públicos, desportistas e outras personalidades hierarquicamente equivalentes;

  IV- Insígnia:

a- demais maçons;

b- outras personalidades do mundo profano a critério do Conselho."

Art. 2°- Esta Resolução entra em vigor na data de sua aprovação, revogadas as disposições em contrário.